BEM-ESTAR COM ELLA

Seja bem vinda ao portal de notícias do aplicativo Ella, com informações relevantes sobre beleza e bem-estar e dicas em geral, de um jeito fácil e descontraído.

Natura e Avon unem-se para campanha contra a violência domestica #IsoladasSimSozinhasNão.

O isolamento social, medida preventiva contra o Coronavirus, está deixando as pessoas com um "cansaço mental", mas além desta questão, o aumento da violência doméstica vem aumentado com o decreto de distanciamento social. Pensando em ajudar as vitimas de violência de gênero, a Natura Avon uniram-se para auxiliar as mulheres a identificarem sinais de relações abusivas. 



— Para muitas mulheres e meninas, o confinamento pode aumentar a frequência e a gravidade dos episódios de violência doméstica, em todas as suas formas. Precisamos redobrar o apoio a essas mulheres, para quem a casa, longe de ser um lar seguro, é o espaço em que está mais exposta ao risco. Queremos, por meio dessas iniciativas, mostrar que elas não estão sozinhas — aponta a diretora executiva do Instituto Avon, Daniela Grelin.

Além desta iniciativa, fecharam parceria com a Star-up Mete a Colher para ter o auxilio da ferramenta Tina, onde é possível receber orientações de assistentes sociais, advogados e psicólogos.


O Instituto Avon está criando conteúdo, que estão sendo postados em sua redes sociais com dicas de cuidados com a saúde mental, identificar sinais de relações abusivas e formas de pedir ajuda. Já Natura patrocinou uma minissérie com cinco episódios do podcast Mamilos sobre a temática. Ao final de cada episódio, é abordada a história de uma mulher que superou o ciclo da violência.


De fato, segundo levantamento da Central de Atendimento à Mulher, houve um aumento de quase 9% no número de atendimentos no Brasil durante a quarentena. Entre os dias 17 e 25 de março, foram 3.303 ligações recebidas e 978 denúncias de violência doméstica registradas. 


E essa constatação não foi apenas por aqui. Na França, o governo divulgou um aumento de 36% no aumento dos casos só na capital após as restrições de circulação. Na China, ONGs de defesa à mulher notaram o número de consultas triplicar. 


Em meio à crise global, a ONU Mulheres inclusive elaborou um documento em que pontua uma série de recomendações para minimizar os efeitos da pandemia em relação às mulheres.


Fonte: Gaúcha ZH

42 visualizações

Ella é melhor aplicativo de beleza do Brasil. Com o aplicativo você pode pedir um serviço de beleza em casa, salões, hotéis ou em qualquer outro lugar que você quiser.

© Ella App de Beleza Tecnologia Ltda - Todos os direitos reservados * Termos e privacidadeVersão: 14/07/2020 - 15:19

google play.png
app-store.png
  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza